Prevenção ao coronavírus: veja dicas de cuidados com idosos durante isolamento

Geriatra explica que conversar, respeitando a distância que a quarentena pede, é capaz de minimizar o sofrimento. Tecnologia também é aliada.

A pandemia de Covid-19, infecção causada pelo novo coronavírus, exige cuidados especiais com os grupos de risco, entre eles as pessoas com mais de 60 anos. A médica geriatra Carla Núbia apontou que há um sofrimento natural devido ao isolamento por parte dos idosos, mas que a conversa em família e atenção são formas de lidar com isso.

O primeiro cuidado deve ser tomado no convívio familiar, especialmente ao voltar da rua. “Além do isolamento, é preciso lavar as mãos com frequência, deixar os sapatos do lado de fora casa, evitar o contato e sempre lembrar que, estando na rua, podemos trazer o vírus para casa”, disse.

Com complicações como cardiopatias e outros problemas de saúde, os idosos se encontram em situação de maior vulnerabilidade diante da pandemia. “Pessoas que moram sozinhas, devem ter ajudar de outras pessoas para pagar contas, fazer compras e manter a higiene”, apontou.

Voluntários têm se oferecido para auxiliar esses idosos, tanto para realizar atividades fora de casa para eles, quanto para conversar e amenizar o sentimento de solidão.

Além manter os cuidados com higiene, outras medidas devem ser tomadas dentro de casa e passam por uma conversa sincera. “O primeiro passo é informá-los do atual cenário para que eles compreendam o afastamento de outras pessoas e não tenham o sentimento de abandono. Eles precisam entender o que está acontecendo para não gerar depressão”, disse a médica.

Para quem mora em residências pequenas, a recomendação é tentar manter os utensílios do idosos só para eles. “É preciso lavar mãos, boca e nariz várias vezes ao dia”, reforçou a médica.

Ainda de acordo com Núbia, a quarentena deve ser o momento de traçar estratégias que livrem os idosos da depressão e problemas emocionais que podem piorar as doenças crônicas, por exemplo.

“Uma dica é usar o celular, sempre limpo, para fazer ligações de vídeos com outras pessoas, mandar fotos, mostrar momentos antigos que trabalhem a memória, para que eles também possam se distrair”, sugeriu.

Fonte: Por Danilo César, TV Globo 20/03/2020 09h56 (G1)

× Entre em contato!

© 2018 CUIDAR - Todos os direitos reservados